É recorrente a queixa de crianças com dificuldades na evacuação ou “intestino preso”, como se diz mais popularmente. Junto à dificuldade de evacuar do pequeno (a) é normal vir aquele mal humor e irritação, acompanhado de distensão abdominal, cólicas, gases e até mesmo sangramento advindo de fissuras na hora de ir ao banheiro.

A constipação é um desequilíbrio no processo de digestão que pode afetar a saúde como um todo, tendo em vista que as fezes precisam ser eliminadas diariamente para que as toxinas não sejam absorvidas pelo corpo. Para isso, porém, o intestino precisa estar saudavelmente rico em bactérias benéficas que melhoram não somente o trânsito intestinal, como também a absorção de nutrientes e até mesmo a produção de serotonina- que é 90% realizada no órgão.

Para isso, indico aqui, quatro passos que podem ajudar os pais na resolução desse problema:

  1. Alimentação rica em fibras – Frutas, legumes, verduras, cereais integrais, sementes como chia, linhaça, farelo de aveia. São excelentes fontes para ajudar a dar volume no bolo fecal, dando um “start”nos movimentos peristálticos (os que vão estimular a eliminação das fezes).

2. Muita água!!! As fibras são importantes para o volume, porém é a água quem faz a fibra crescer e que amacia as fezes, permitindo que a eliminação seja mais fácil e rápida. Recomenda-se em média de 30ml por kilo de peso, mas se seu filho transpira muito, essa necessidade pode ser maior.

3- Atividade física – Os exercícios estimulam os movimentos peristálticos e com isso,  todo o funcionamento intestinal se auto regula. Por isso, é bastante comum que as crianças precisam dar “uma corrida ao banheiro”, quando estão em uma brincadeira com bastante movimento do corpo ou quando estão em plena prática de um exercício físico.

4- Probióticos – São as bactérias que habitam nosso intestino e que têm a função de melhorar não somente o trânsito e evacuação, mas também são facilitadoras na hora da absorção de nutrientes, do aumento da imunidade, da produção de serotonina, além de diminuir o risco de diabetes e outras doenças crônicas.

Vale apostar também no consumo frequente de abacate, que é uma fruta riquíssima em fibras e, por ter gorduras boas, torna-se um excelente aliado para regular a constipação. Já os iogurtes e bebidas fermentadas também são interessantes já que são fontes de probióticos que, como já falamos, auxiliam na manutenção do bom funcionamento intestinal. Mas, é preciso estar atento que, muitas vezes, a ingestão dessas bactérias em forma de cápsulas para uma reimplantação pode ser mais rápida e eficiente, principalmente, se comparado a alguns produtos no mercado que estão cheios de açúcares e conservantes. Nesse caso, consulte um nutricionista para auxiliá-lo.

Receita Laxativa:

À noite, deixar de molho em ½ copo de água, 1 colher de sopa de linhaça moída.

Pela manhã, bater no liquidificador, a linhaça com o gel que formou, com 1 fatia de abacate e/ou um pote de iogurte natural. Finalizar com castanhas moídas.

Escrever um comentário